quinta-feira, 24 de junho de 2021

AZUL TRANSPORTA PRIMEIRAS VACINAS DA JANSSEN PARA 5 ESTADOS BRASILEIROS

Mais de 417 mil doses do imunizante da farmacêutica americana estão sendo distribuídas pela companhia ao longo desta manhã 


São Paulo, 24 de junho de 2021 – A Azul realiza, nesta quinta-feira, dia 24, uma operação para distribuir as primeiras vacinas da farmacêutica Janssen. Os voos decolam de Guarulhos, em São Paulo, para Porto Alegre, Recife, Belo Horizonte, Cuiabá e Curitiba.  

As primeiras 91 mil doses partiram de São Paulo ainda na madrugada a bordo de uma aeronave cargueira da Azul Cargo, modelo ATR-72, e pousaram por volta das 06h10 no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre. As demais operações acontecem ao longo desta manhã utilizando os porões de voos comerciais da companhia. "As cargas de hoje são muito importantes porque garantem a imunização de centenas de brasileiros com dose única. Seguimos em força-tarefa para ajudar e reforçar a campanha de imunização contra a covid, utilizando a expertise de logística da cargo" conta Izabel Reis, diretora da Azul Cargo Express. 

Mais de 1,3 milhão de doses

Em paralelo à operação para distribuição da vacina da Janssen, a Azul também transporta, ao longo do dia, 925 mil doses de imunizantes do Instituto Butantan para Porto Alegre, Recife, Curitiba, Belo Horizonte e Cuiabá. 

Somadas as operações, só nesta quinta-feira a companhia percorre as principais capitais do país distribuindo mais de 1,3 milhão de doses de vacinas, que se somam às 18 milhões já transportadas desde janeiro.  

SERVIDORES DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE LAVRAS REALIZAM BUSCA ATIVA ESCOLAR

Em tempos de pandemia, combater a evasão escolar se tornou ainda mais necessário para o município 

Assistente social Reginaldo Garcia e o motorista Jaime, no bairro Serra Verde, na Zona Sul de Lavras

A suspensão das aulas presenciais por causa da pandemia de Covid-19, cresceu a preocupação dos municípios com a evasão escolar e, apesar do esforço dos gestores, há crianças e adolescentes que ficaram sem participar das atividades remotas, aumentando o risco de abandono. Daí a importância ainda maior das ações de Busca Ativa Escolar, que mobilizam não apenas educadores, mas também profissionais das áreas da assistência social e da saúde.

Em Lavras, no Sul de Minas, os servidores da Secretaria Municipal de Educação (SME) de Lavras estão percorrendo a cidade realizando a Busca Ativa dos alunos da rede municipal de ensino. O assistente social Reginaldo Garcia, juntamente ao motorista Jaime, percorrem os bairros da cidade visitando as famílias dos alunos. 

A Busca Ativa Escolar é uma forma de ajudar o município a combater a exclusão escolar. Ela visa identificar os problemas que os alunos enfrentam em tempos de pandemia para ter acesso e manter a frequência no ensino remoto e, assim, ter um diagnóstico destes problemas e o município poder atuar para garantir a permanência desses alunos regularmente participando das atividades de ensino. 

Evasão escolar

De acordo com um estudo divulgado pelo UNICEF, a partir de dados da PNAD de outubro de 2020, há cerca de 5,5 milhões de crianças e adolescentes de 6 a 17 anos em situação de desvinculação escolar no país. Por desvinculação escolar entendem-se as situações de estarem fora da escola e em risco de abandono escolar. Neste contexto, o estudo considerou os casos de crianças não matriculadas e aquelas que, mesmo matriculadas, declararam não acessar as atividades remotas (UNICEF, 2021 / PNAD 2020).

Segundo estudo publicado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), também em outubro de 2020, coordenado por Marcelo Neri e Manuel Camillo Osorio,  o tempo médio dedicado à escola para o grupo de 6 a 15 anos foi de 2,37 horas diárias por dia útil, inferior ao mínimo de 4 horas estabelecido pela Lei de Diretrizes Básicas da Educação (LDBE). Os adolescentes de 16 e 17 anos matriculados, embora se dedicassem mais ao ensino remoto, sofreram com uma maior evasão escolar. O principal componente que explica essa diferença é a queda da taxa de matrícula escolar de 90% para 35%, fato que já ocorria antes da pandemia. 

*Por Sebastião Filho

BANCO DO BRASIL ABRE CONCURSO PARA ESCRITURÁRIO

Ao todo, são 2.240 vagas e outras 2.240 de cadastro reserva

O Banco do Brasil (BB) e a Fundação Cesgranrio divulgam nesta quinta-feira, 24 de junho, no Diário Oficial da União, o Edital de Abertura da Seleção Externa 2021/001. A seleção será realizada para provimento de:

- 2 mil vagas para Escriturário - Agente Comercial, mais 2 mil de cadastro reserva, para atuação nas unidades de negócios;

- 240 vagas de Escriturário - Agente de Tecnologia, e outras 240 de cadastro de reserva, com foco em Conhecimentos de TI.

O cargo de escriturário possui nomenclaturas específicas para uso no relacionamento com o mercado, que variam de acordo com a unidade em que o funcionário está lotado. Para este concurso, os candidatos podem concorrer para Agente Comercial, que trabalha na rede de agências do BB, em todo o país, ou para Agente de Tecnologia, que assume na área de Tecnologia, em Brasília.

"Nosso objetivo é atrair novos talentos, em nível nacional, que se identifiquem com nosso propósito de cuidar do que é valioso para as pessoas. Em decorrência da pandemia, tivemos o cuidado de definir um cronograma mais extenso para realizar a inscrição, possibilitando mais tempo de estudo aos candidatos", explica Fausto Ribeiro, presidente do BB.

As inscrições têm valor de R$ 38,00 e podem ser realizadas no período de 24 de junho a 28 de julho de 2021. A realização das provas está prevista para o dia 26 de setembro de 2021 e seguirá os protocolos de prevenção à Covid-19, conforme regras do edital. Para participar da seleção, é preciso ter certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, Secretarias ou Conselhos Estaduais de Educação e idade mínima de 18 anos completos, até a data da contratação.

As provas irão conter questões de Conhecimentos Básicos (25 questões): Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Matemática e Atualidades do Mercado Financeiro e Conhecimentos Específicos (45 questões), de acordo com a vaga pretendida:

– Agente de Tecnologia:
Probabilidade e Estatística, Conhecimentos Bancários e Tecnologia da Informação.

– Agente Comercial:
Matemática Financeira, Conhecimentos Bancários, Negociação e Vendas e Conhecimentos de Informática.

Serão ofertadas vagas em dependências situadas em todos os estados e no Distrito Federal. No momento da inscrição, o candidato deverá escolher a UF/Macrorregião/Microrregião e a cidade de realização das provas.

A seleção externa tem validade de um ano, a contar da data de publicação do Edital de Homologação dos resultados finais, podendo ser prorrogada, uma única vez, por igual período.

A remuneração inicial é de R$ 3.022,37, para jornada de 30 horas semanais, ajuda alimentação/refeição de R$ 831,16 por mês e, cumulativamente com o benefício de ajuda alimentação/refeição, o Banco concede a cesta alimentação, no valor mensal de R$ 654,87, na forma do Acordo Coletivo de Trabalho - ACT. Há possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional; participação nos lucros ou resultados, nos termos da legislação pertinente e acordo sindical vigente; vale-transporte; auxílio-creche; auxílio a filho com deficiência; e previdência complementar.

Os funcionários do BB possuem, ainda, acesso à Universidade Corporativa Banco do Brasil (UniBB), que promoveu 3,5 milhões de ações de capacitação apenas em 2020. "Estamos sempre investindo no encarreiramento dos nossos funcionários. Agora em maio, lançamos um movimento interno, chamado de 'evolution', para trazer oportunidades de qualificação profissional, direcionadas para o incremento e desenvolvimento de competências digitais”, destaca o presidente do BB.

O Banco irá oferecer bolsas de idiomas, incentivos para graduação, pós-graduação lato sensu, mestrado e doutorado, oportunidades de mentoria, compartilhamento de experiências e hackathons. “A nossa cultura organizacional é baseada em valores consolidados de foco no cliente, ética, inovação, senso de dono, confiabilidade, eficiência e espírito público", finaliza Fausto.

Mais informações sobre o concurso podem ser obtidas no Edital, disponível para consulta no site www.bb.com.br/concurso, no Diário Oficial da União, e no site www.cesgranrio.org.br.

EMPRESÁRIO DA ROMA TRANSPORTES E EXPRESSOLOG BUSCA INCENTIVO PARA IMPLANTAÇÃO DE COMPLEXO LOGÍSTICO EM RIBEIRÃO VERMELHO


O prefeito de Ribeirão Vermelho, no Sul de Minas, Welder Marcelo Pereira, recebeu ontem, quarta-feira, dia 23, em seu gabinete o empresário Reginaldo Moreira, proprietário da Roma Transportes e da ExpressoLog Transporte e Logística.

O empresário pediu o apoio institucional da Prefeitura Municipal de Ribeirão Vermelho para viabilizar a implantação de um complexo logístico no município, em área às margens da Rodovia Fernão Dias (BR-381).

"Nossa administração abre as portas a todos que pretendam trazer desenvolvimento e emprego para o município", reforçou o prefeito.

LAGOA SANTA REALIZA O SEU 1º FESTIVAL LITERÁRIO


Esta semana, Lagoa Santa entra para o seleto grupo de cidades que realizam festivais literários recheados de talentos e boas histórias. Entre os dias 25 e 27 de junho, acontecerá a 1ª edição do Festival Literário de Lagoa Santa, o FLI Lagoa, reunindo mais de 40 artistas em 24 ações artísticas e formativas virtuais e gratuitas, valorizando o protagonismo e representatividade regional. O evento é direcionado ao público infantil e suas famílias, contando também com atrações para jovens e adultos. Serão bate-papos, shows, contações de histórias, espetáculos e performances artísticas transmitidas ao vivo pelo Instagram e YouTube, além de oficinas em plataformas de videoconferência.

O Festival assume o formato virtual devido à pandemia, mas sem prejuízo para o seu potencial transformador. A idealizadora, organizadora e curadora do Festival, Alessandra Visentin, acredita que o evento irá estimular o desenvolvimento de outras iniciativas literárias e culturais em Lagoa Santa, como saraus, grupos de leitura, trocas de livros, oficinas de escrita e várias outras atividades, sendo porta de entrada para o fortalecimento e desenvolvimento do potencial artístico e criativo do município.

Ziraldo - autor, cartunista, dramaturgo, colunista e jornalista mineiro reconhecido mundialmente é o homenageado desta edição. O 1º FLI Lagoa nos convida a conhecer o trabalho de atores, contadores de histórias, mestres de cultura popular, escritores, ilustradores e músicos que residem em Lagoa Santa e região, e que estão em plena produção.

Programação imperdível
No Instagram @flilagoa você encontra fotos e descrições de todas as atrações e artistas participantes do Festival, além de uma programação exclusiva para o Instagram, com contações de histórias no IGTV. Lá você também encontra os links para se inscrever nas oficinas gratuitas que fazem parte da programação: Oficina de Ilustração, Oficina “Você sabe como nasce um livro?” e Oficina de Contação de Histórias.

O Festival está a todo vapor, trazendo shows infantis e de MPB, intervenções de palhaçaria e brincadeira, diversos espetáculos de Contação de Histórias e bate-papos com temas como “Saberes da Cultura Popular”, “Saberes da Cultura Local”, “A importância do livro e da leitura”, “Histórias em Quadrinho” e “Conhecendo Ziraldo”. As exibições acontecerão ao vivo no Canal do Youtube do FLI Lagoa, almejando a interação simultânea do público por meio do Chat. Inscrevendo-se no canal e ativando o sininho, é possível receber notificações de todas as lives.

Programação


DIA 25/06/2021 (sexta-feira)

11h00 - Abertura: “Crônicas de Maria Marilda e Histórias de Lagoa Santa”

13h00 - Contação de Histórias: “Kamishibai Brasil, Histórias na Palma da Mão”, com Sandra Lane e Vilmar de Oliveira

14h30 - Show do grupo Geleia e Gelatina

15h00 às 17h00 - Oficina de Ilustração com André Mazio

16h00 - Histórias com bate-papo, com Walkiria Garcia e Walda Leão

17h30 - Bate-papo com Autores, com Mariana Pimenta, Fernando Limoeiro e Mariana Sabino

19h00 - Show de Raul Mariano


DIA 26/06/2021 (sábado)

10h00 - Bate-papo com ilustradores, com Alves, Lélis e Carlo Tessandro

11h30 - Contação de Histórias: “Lá na rua onde eu morava”, com Alessandra Visentin e João de Ana

13h00 - “Saberes da Cultura Popular”, com Gercino Alves, Ádelia Carmo, Viviane Souza e Luan Moura

14h30 - Bate-papo: “Histórias em Quadrinhos”, com Piero Bagnariol e Alves

15h00 às 17h00 - Oficina “Você sabe como nasce um livro?”, com Paulo Fernandes

16h00 - Show com o grupo O Quintal da Guegué

17h30 - “Saberes da Cultura Local”, com Ana Clara Vivacqua, Marlon Penido e Paulo Cardinali

19h00 - Show de João de Ana


DIA 27/06/2021 (domingo)

10h00 - Contação de Histórias: “Histórias de Felicidades”, com Beatriz Myrrha e Cláudia Nicodemo

11h30 - Bate-papo “A importância do livro e da leitura”, com Rosana Mont’Alverne, Paulo Fernandes e Beatriz Myrrha 

13h00 - Curta FLICTS, com Mariana Jacques

14h30 - Contação de Histórias com Estela Costa Ferreira

14h30 - Bate-papo com autoras, com Janaína Starling, Sofia Fuscaldi e Maíra Matos

15h00 às 17h00 - Oficina de Contação de Histórias com Alessandra Visentin

16h00 - Bate-papo com autores negros, com Caral Fernandes, Madu Costa e Lenysson Cunha

17h30 - Bate-papo “Conhecendo Ziraldo”, com Juliana Valéria e Mariana Jacques

19h00 - Show de Philippe Lobo